terça-feira, junho 4Notícias que importam
Shadow

Marinha inicia operações de fiscalização do tráfego aquaviário no Norte e no Nordeste

Operação “Verão Amazônico”, no Amapá e no Pará, e Operação “Verão II”, no Maranhão e no Piauí, reforçarão as inspeções navais no mês de julho.

A Marinha do Brasil vai intensificar a fiscalização do tráfego aquaviário, nas regiões litorâneas e nos rios do Amapá, Maranhão, Pará e Piauí, de 1º a 31 de julho. As ações de inspeção naval, no período de férias escolares, terão o objetivo de coibir o uso de bebidas alcoólicas por condutores de embarcações, verificar a existência e estado de conservação do material de salvatagem e a observação de regras de segurança da navegação.

blank

“As capitanias vão intensificar as inspeções navais em áreas de fundeadouros, flutuantes, iate clubes e marinas, locais onde ocorrem passeios turísticos e, com isso, maior fluxo de lanchas e motos aquáticas. Serão administradas, também nesse período, palestras sobre uso de coletes salva-vidas, material de salvatagem, uso de extintores e o cuidado de não ultrapassar a quantidade máxima de passageiros”, explica o Capitão dos Portos do Piauí, Capitão de Fragata José Eduardo da Silva.

Amapá

A Capitania dos Portos do Amapá realizará ações pedagógicas e de fiscalização em Macapá, Santana, Mazagão, Itaubal, Calçoene e Oiapoque.

Maranhão

A Capitania dos Portos do Maranhão realizará inspeções e atividades educativas, nas áreas de maior fluxo de embarcações de transporte de passageiros e de esporte e recreio, na região metropolitana de São Luís e nos municípios de Barreirinhas, Balsas e Barra do Corda.

Pará

A Capitania dos Portos da Amazônia Oriental terá inspetores de prontidão em Marabá e Belém (no Distrito de Icoaraci, Ilha de Mosqueiro, Terminal Hidroviário, Av. Bernardo Sayão e Praça Princesa Isabel), com foco no tráfego de lanchas, iates e motos aquáticas.

Piauí

A Capitania dos Portos do Piauí mobilizará seu efetivo para o Porto dos Tatus, em Ilha Grande, e Lagoa do Portinho, em Parnaíba, regiões turísticas que recebem grande fluxo de embarcações em julho.

Balanço da última Operação “Verão”

A última fase da Operação “Verão”, realizada no Amapá, Maranhão, Pará e Piauí, aconteceu entre 17 de dezembro de 2022 e 16 de janeiro de 2023. Durante o período, as equipes efetuaram 3.383 abordagens a embarcações, que resultaram em 135 notificações e 32 apreensões. Também foram instaurados cinco inquéritos sobre acidentes e fatos da navegação.

As irregularidades mais comuns foram condução por pessoa não habilitada, documentação incompleta ou vencida e más condições de navegabilidade.

blank

Disque 185: emergências marítimas ou fluviais

O Serviço de Busca e Salvamento da Marinha (Salvamar) tem a missão de prestar auxílio à vida humana em perigo no mar, nos portos e nas vias navegáveis interiores. O telefone 185 é destinado exclusivamente para receber pedidos de socorro.

Os integrantes do Salvamar estão preparados, 24 horas por dia, para atender aos pedidos de socorro, utilizando navios, aeronaves e mergulhadores da Marinha, bem como embarcações de entidades privadas e de órgãos governamentais, acionadas por uma estrutura de auxílio mútuo.

O canal 16 (frequência 156.8MHz) das estações rádio VHF (a bordo ou em terra) é exclusivo para chamada e escuta de pedidos de socorro.

Serviço

A Marinha do Brasil incentiva e considera importante a participação da sociedade. Denúncias de irregularidades em embarcações de transporte de cargas e de passageiros, nos estados citados, podem ser recebidas pelos seguintes canais:

Capitania dos Portos da Amazônia Oriental: (91) 3218-3954 e (91) 99114-9148

Capitania Fluvial de Santarém: (93) 3522-2870

Capitania dos Portos do Amapá: (96) 3281-5480 e (96) 99112-1538

Agência da Capitania dos Portos no Oiapoque: (96) 3521-1321

Capitania dos Portos do Piauí: 0800 095 2844

Capitania dos Portos do Maranhão: (98) 2107-0121

Agência Fluvial de Imperatriz: (99) 3525-3391

Fonte Marinha do Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *