quarta-feira, junho 5Notícias que importam
Shadow

Conheça a importância da Nuclep no PROSUB

A Nuclep continua voltando todos os seus esforços para o desenvolvimento do projeto de construção do primeiro submarino de propulsão nuclear brasileiro.

Recentemente a estatal anunciou os principais avanços realizados pela equipe do projeto. Estão sendo desenvolvidas as operações para construção da Seção de Qualificação do submarino. Além disso, um protótipo em tamanho real do submarino já está em desenvolvimento por uma equipe.

O PROSUB representa um grande desafio ao Brasil, demandando avanços em vários domínios tecnológicos para concepção e construção do primeiro submarino de propulsão nuclear desenvolvido e construído no Brasil, o que representa ganhos não apenas no campo de defesa, mas principalmente técnico e científico, com domínio de processos e tecnologias que terão emprego dual, reduzindo custos por exemplo com relação a medicina nuclear.

Neste caminho estreito rumo a independência tecnológica neste campo, foi estabelecida uma parceria estratégica com a França, a qual tem transferido importante conhecimento e capacitação técnica no âmbito da construção de estruturas navais referentes ao casco de nosso futuro submarino nuclear.

Neste pacote teremos a construção de quatro submarinos convencionais da Classe Riachuelo, projeto que tem por base o submarino francês Scorpène, dos quais um já foi entregue ao setor operativo, e os demais se encontram na fase de testes de mar, finalização de integração e construção, sendo este essencial para o desenvolvimento do Submarino Nuclear “Álvaro Alberto”, nosso tão sonhado submarino de propulsão nuclear.

No âmbito do PROSUB, a Nuclep enviou funcionários para França, onde passaram por programas de qualificação para o desenvolvimento de casco dos submarinos convencionais de classe Scorpène, o qual é a base da Classe Riachuelo.

Apesar da parceria com os franceses da Naval Group, cabe a nós ressaltar que o SN-10 “Álvaro Alberto”, esta sendo completamente desenvolvido por engenheiros brasileiros, sem qualquer participação estrangeira no que diz respeito ao sistema de propulsão nuclear, o qual contará com tecnologia de reator inteiramente desenvolvida no Brasil.

A Nuclep possui um papel de grande importância no programa nuclear, absorvendo importante conhecimento e capacidade industrial que representa um ganho estratégico no campo da indústria pesada e naval brasileira.

A empresa teve atuação na construção de alguns equipamentos que compõe o LABGENE e também serão primordiais ao desenvolvimento do submarino nuclear brasileiro, além de ser responsável por construir o casco dos submarinos da Classe Riachuelo, processo realizado inteiramente no Brasil, nas instalações de Itaguaí, as quais já visitamos em diversas ocasiões.

 

BrasilDefesa – Sua fonte de informação e notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *