quarta-feira, junho 5Notícias que importam
Shadow

ASPIRANTEX 2023 – Marinha concluí primeiro exercício do ano, confira:

Nesta quarta-feira, dia 1º de fevereiro, foi concluída pela Marinha do Brasil, a “ASPIRANTEX 2023”, primeiro exercício naval do calendário e um dos mais importantes do ano, envolvendo os principais meios da Esquadra Brasileira, tendo como objetivo apresentar aos futuros oficiais de Marinha, a prática de tudo aquilo que aprenderam na sala de aula nos primeiros anos de formação na Escola Naval, ocasião onde tomam uma das mais importantes escolha de sua carreira, a escolha de Corpo e de habilitação.

blank

Iniciada no dia 16 de janeiro, embarcaram 291 Aspirantes da Escola Naval e mais de 2 mil militares distribuídos entre cinco navios da Marinha do Brasil (MB), os quais realizaram diversos exercícios na área compreendida entre os estados do Rio de Janeiro e Santa Catarina. Inclusive com visita aos portos de Itajaí, Paranaguá e Santos, onde a população local teve a oportunidade de visitar os navios e conhecer um pouco mais sobre as atividades da Marinha do Brasil.

blank

Nesta edição o Grupo Tarefa (GT), foi composto pelo Capitânia da Esquadra, NAM “Atlântico”, o NDM “Bahia” e as fragatas “Defensora”, “Independência” e “Liberal”, contando com Destacamento Aéreo Embarcado composto pelas aeronaves AH-11B “WildLynx” do EsqHS-1 “Lince”, AH-15B e UH-15A “Super Cougar” do EsqdHU-2 “Pegasus”, SH-16 “Seahawk” do EsqdHS-1 “Guerreiro”, IH-6B “Jet Ranger III” do EsqdHI-1, UH-12 “Esquilo” do EsqdHU-1 “Águia”, estavam embarcados Carros Lagarta Anfíbios (CLAnf), viaturas anfíbias MOWAG Piranha III-C e sistema de drones.

blank

Para entender melhor a “ASPIRANTEX 2023”, conversamos com Contra Almirante André Luiz de Andrade Félix, comandante da 2ª Divisão da Esquadra, responsável pela organização e comando desta edição do exercício.

BrasilDefesa: Como é a preparação do exercício e quais principais cuidados no planejamento desta edição da Aspirantex?

C.Alte Félix:  “As tripulações dos navios e das aeronaves possuem programas de adestramento específicos, seja individual, por classe de navio e quando operando em uma Força-Tarefa. Durante o planejamento de uma operação de adestramento, são levantadas as necessidades de cumprir as metas previstas nesses programas, e são planejados exercícios. Além disso, há todo um cuidado com os Aspirantes, visando a participação em todos os exercícios e realizando estágios a bordo nos diversos departamentos dos navios (Operações, Máquinas, Armamento e Intendência. No caso do NAM ATLÂNTICO e do NDM BAHIA, há também o departamento de Aviação). Também foram programados horários para diálogos com os oficiais e praças, para que os Aspirantes obtenham o máximo de informações que os orientem na escolha certa.”

blank

BrasilDefesa: Quais principais fainas (exercícios) são realizadas? E como é a introdução dos aspirantes a prática de tudo aquilo que eles vem aprendendo na sala de aula?

C Alte Félix: “As principais fainas realizadas foram:

– Transferência de carga leve, LeapFrog, Light Line diurno e noturno

– Reabastecimento no mar

– Manobras Táticas

– Trânsito sob ameaça de superfície, aéreo, de submarino e assimétricas

– Emprego de aeronave da FAB como PDATAR e esclarecimento

– Fundeio de precisão

– Lançamento e recolhimento de CLANF

– Visita ao estaleiro TKMS, onde estão sendo construídas as novas fragatas da classe “Tamandaré”

– Armar/desarmar Aeronaves

– Abordagem por Mergulhadores de Combate (MeC) e Grupo de Visita e Inspeção (GVI)

– Tiro antiaéreo sobre drone (míssil ASPIDE (4), canhão 4.5”),  

– Tiro antiaéreo sobre GIL, tiro de superfície sobre alvo à deriva (Killer Tomato)

– Ação de presença na Bacia de Santos

– Escolha de Corpo e Habilitação (dia 30JAN)

– Recolhimento de náufragos em grande escala

– Ressuprimento aéreo, por meio de lançamento de carga com paraquedas, por aeronave da FAB

– Controle Aéreo de Interceptação

– Operações aéreas diurnas e noturnas

– Defesa contra ameaças cibernéticas

blank

Os Aspirantes participam de todos os eventos. Sempre são realizados briefings e debriefings, a fim de prepará-los para os exercícios.”

BrasilDefesa: Um dos pontos altos, é a escolha de corpo. Como é definida a escolha de corpo pelos Aspirantes?

C.Alte Félix: “Ao final da operação, os Aspirantes fazem suas opções de Corpo e de habilitação. Eles podem escolher entre o Corpo da Armada, nas habilitações de Máquinas, Eletrônica ou Armamento; Corpo de Fuzileiros Navais, nas mesmas habilitações do Corpo da Armada; e Corpo de Intendentes da Marinha, na habilitação de Administração. 

O resultado de suas escolhas depende da sua classificação dentro da turma, fruto de seu desempenho escolar.”

blank

Nós agradecemos ao C.Alte Félix pelas informações, e desejamos sucesso aos futuros oficiais de nossa Marinha em suas carreiras.

Você quer saber mais sobre a “Aspirantex 2023” e conhecer mais sobre este exercício? Aguardem, em breve publicaremos uma série de materias onde você leitor, irá descobrir o que é cada atividade desenvolvida. Aguardem…

blank

Por Angelo Nicolaci

Imagens Marinha do Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *