quarta-feira, dezembro 6Notícias que importam
Shadow

Safran Eletrônica & Defesa Brasil completa 10 anos de presença no país

Reconhecida em todo o mundo, a Safran é considerada um dos principais players nos setores aeroespacial e de defesa. A Safran tem forte presença na aviação comercial brasileira com os motores CFM56®, que movem os Airbus A320s da LATAM e os Boeing 737 da GOL, e com os motores LEAP®, sucessores do CFM56®, que movem os Boeing 737 MAX da GOL e os A320 NEO da AZUL. Presente no Brasil há mais de 40 anos por meio das empresas Safran Helicopter Engines Brazil e, mais recentemente, com a Safran Eletrônica & Defesa Brasil, Safran Cabin e Safran Aeronautic, o Grupo possui mais de 700 funcionários no Brasil.

Observar, decidir, guiar. Por quase 100 anos, a Safran Electronics & Defense desenvolve, produz e mantém equipamentos e sistemas de alta tecnologia usados em todos os ambientes (terrestre, aéreo, marítimo e espacial) no domínio da defesa e da aviônica. Com mais de 10 mil funcionários em todo o mundo, a empresa detém posições de liderança mundial ou europeia em optrônica, aviônica, eletrônica e software crítico para os mercados civil e militar. Seus produtos são utilizados em mais de 1.000 navios, 25 mil veículos terrestres e 10 mil aeronaves em todo o mundo.

A Safran Eletrônica & Defesa Brasil, uma das empresas líderes nas tecnologias de defesa, segurança e aeronáutica, completa este ano uma década de presença no território brasileiro. Para marcar esta data, a companhia celebrou seus 10 anos no Brasil, no dia 29 de novembro, no Hall de Eventos do Parque Tecnológico da Universidade do Vale do Paraíba (Univap), em São José dos Campos (SP).

O evento contou com a presença de vários integrantes das Forças Armadas e de Segurança do Brasil, bem como representantes da Base Industrial de Defesa e Segurança (BIDS). Entre os convidados, o Secretário de Produtos de Defesa (Seprod), General Duizit Brito, o Diretor-Presidente da IMBEL, o General Ricardo Rodrigues Canhaci, o Diretor de projetos da Abimde (Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança), Coronel Antonio Ribeiro e o Secretário Municipal de Inovação e Desenvolvimento de São José dos Campos, Alberto Marques Filho. Também participaram o Tenente-Coronel Luiz Fabiano Damy, da Direção de Material do Exército (DMAvEx), e Coronel Marco Aurélio de Castro, do Comando de Aviação do Exército (CAvEx).

blank

Autoridades prestigiam evento de 10 anos da Safran Eletrônica e Defesa no Brasil

A cerimônia foi, além de uma celebração dos 10 anos da Safran Eletrônica e Defesa no Brasil, uma reafirmação da força e determinação da empresa na busca pelo desenvolvimento tecnológico e no apoio ao crescimento econômico e também para a consolidação da soberania do país. 

Durante a cerimônia o vice-presidente executivo da Divisão de Defesa da Safran, Frédéric Mazzanti, agradeceu o apoio de colaboradores e parceiros. “É com muito prazer, orgulho e emoção que me dirijo aos nossos colaboradores, principalmente aqueles que estão conosco desde o início e acreditaram no sonho da Safran no Brasil. E também aos que nos seguiram nos anos seguintes, ajudando a formar uma equipe forte, criativa e competente. O Brasil é um país gigante, maravilhoso, feito de homens e mulheres capazes. Este país é uma fonte inesgotável de talento, criatividade e perseverança”. 

O CEO da SEDB, David Montmasson, também ressaltou o empenho e dedicação de todos os colaboradores para chegar aos 10 anos. “E com a mesma dedicação e confiança vamos alçar voos cada vez mais altos. Que venham mais 10, 20, 30 anos. Estamos prontos para continuar contribuindo com o desenvolvimento tecnológico do país e atuar sempre em conjunto com os nossos parceiros e clientes”. No evento, houve uma homenagem aos funcionários mais antigos da empresa. 

blank

História

A trajetória da Safran Electronics & Defense no Brasil tem início em 2012, quando a Safran Eletronic & Defense adquiriu a empresa Optovac, fundada em 1986 e sediada em Osasco, cidade da Região Metropolitana de São Paulo. O objetivo era desenvolver, fabricar e manter equipamentos de alta tecnologia no setor de defesa no Brasil.

Assim nasceu a Safran Eletrônica & Defesa Brasil em 2012. A equipe da Optovac que continuou sua jornada como parte da Safran Eletrônica & Defesa Brasil foi enviada para treinamentos especiais na França, promovendo assim a transferência de tecnologia para técnicos e engenheiros brasileiros.

No ano seguinte, em 2013, a nova sede da Safran foi instalada em São José dos Campos, no estado de São Paulo. A proximidade com um dos principais polos de tecnologia militar e aeroespacial do país, o Vale do Paraíba, fez com que a companhia galgasse vários degraus no mercado.

No ano seguinte, a empresa fabricou e entregou o 1º shipset de piloto automático do helicóptero H225M, para a Helibras. Foi o primeiro grande projeto conduzido pela equipe em sua nova fase, sob a bandeira da Safran.

Ainda em 2014, novos produtos foram transferidos no Brasil, mostrando o grande potencial optrônico da companhia. Neste ano foi concluída a primeira montagem do JIM LR, binóculo infravermelho multifuncional de longo alcance que representaria um novo passo em termos de avanços tecnológicos a serviço das Forças Armadas. Também em 2014 a Safran iniciou sua participação em um grande projeto de pesquisa junto à Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), ligada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), ao lado da Universidade de São Paulo (USP), Instituto de Pesquisas da Marinha (IPqM) e da Marinha do Brasil.

Em 2015, na decorrência do projeto de fabricação dos shipsets de piloto automático para as aeronaves H225M, a empresa atingiu um marco importante, com a primeira entrega do sistema de piloto automático para os helicópteros Panthera K2 do Exército Brasileiro.

As conquistas continuaram em 2016: a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) certificou a Safran Eletrônica e Defesa Brasil de acordo com o Regulamento Brasileiro de Aviação Civil (RBAC 145), habilitando-a a operar como empresa de manutenção aeronáutica no território Brasileiro.

Em 2018 a Safran Eletrônica e Defesa Brasil trouxe mais inovações, como o Sigma 30, central de navegação inercial que permite, entre outras coisas, auxiliar com altíssima precisão nas funções de navegação e pontaria. Um primeiro nível de integração com o sistema de artilharia Gênesis foi feito nessa oportunidade em parceria com a IMBEL e o Exército Brasileiro. O primeiro tiro de artilharia com auxilio digital feito no Brasil foi realizado com uma Central de Navegação Inercial da Safran, o que representa um grande marco nesta parceria.

No ano seguinte, mais frutos com o Exército seriam anunciados, como o contrato para integrar os binóculos infravermelho multifuncionais de longo alcance JIM LR ao Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras (Sisfron). Também em 2019, a Safran Eletrônica e Defesa Brasil recebe a certificação da Diretoria de Material de Aviação do Exército (DMAvEx) para poder executar no país a manutenção dos pilotos automáticos instalados nas aeronaves do Exército Brasileiro.

Em 2020, mais novidades: acontece a primeira entrega do JIM LR para o Sisfron.

Mesmo durante a pior fase da pandemia, a Safran não parou: em 2021 a empresa assinou contrato para fornecer os sistemas de mira eletrônica PASEO XLR e direção de tiro para as Fragatas Tamandaré, projeto estratégico da Marinha do Brasil. Também foram registrados a primeira entrega de equipamentos de visão noturna para o programa V.I.G.I.A.

Este ano, mais equipamentos de visão noturna foram entregues para o programa V.I.G.I.A e para diversas equipes de forças especiais da Policia Militar no país.

Para finalizar o ano e as comemorações pelos 10 anos, a Safran está com vários dos seus produtos na 7ª Mostra BID Brasil, entre 06 e 08 de dezembro, em Brasília. A empresa pode ser visitada no estande 40, onde estará com seus principais produtos e tecnologias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *